h1

Continuando virgem

26 setembro, 2008

Ok. Existiam duas coisas que eu acreditava ser impossível você ser meio: gay e virgem.

Você pode ser meio religioso, meio inteligente, meio estranho. Mas meio gay e meio virgem não dá.

Deu o cu = gay. Trepou = não virgem.

Eis que me aparece o seguinte:

Ok. não entendi.

1 – Que grandes coisas pode ser alguém que é sobrinha “de consideração” da Gretchen?

2 – O que ela fez no filme? Só chupou? Nãããããão ela deu o cu. Sim. Fez anal atééééé o cu ficar sem prega.

3 – Dar o cu não é trepar?

Muitas dúvidas me ocorriam até que vi a capa do DVD.

ok… fomos aos anos 70?!

Existia alguma virgem nos anos 70?

Não entendi nada. Os conceitos mudaram. Se agora existe meio virgem, pode existir até meio corno.

Aí eu fiquei extasiada com o clipe da moça no youtube. Sim, ela é MC, cantora de funk.

O que mais posso dizer? Nada. o silêncio me vale.

Será que eu estou fora do meu tempo? Leão Lobo, me salve: DIGNIDADE JÁ!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: